segunda-feira, 23 de abril de 2018

Biblioteca de Esmoriz também padece de infiltrações

Além do caso já sobejamente conhecido da Escola Secundária de Esmoriz, também nos chegou a informação de que, quando chove, a água chega a infiltrar-se na Biblioteca de Esmoriz. Como se não bastasse, tivemos conhecimento de que, desde Novembro de 2017, o piso 1 está encerrado por infiltrações de água surgidas através de uma esquina do prédio. 
A Câmara Municipal de Ovar e a Junta de Freguesia de Esmoriz estão a par da situação, mas ainda não se sabe quando irão finalmente actuar.
Estivemos ainda à conversa com um cidadão, o qual diz acreditar que, com 20 ou 30 mil euros, é possível remodelar todo aquele espaço, tornando-o mais atractivo e aprazível. 
Espera-se, por conseguinte, vontade política e celeridade na resolução deste dossier. 




Imagem nº 1 - O Palacete dos Castanheiros necessita de um plano de reestruturação.

Arautos recebem distinção

No âmbito do XXII AMASPORTO - Encontro de Teatro Associativo, os Arautos receberam a estatueta do "Prémio Talma" relativo a 2018. Também o Teatro Independente de Paranhos (TIPAR) do Porto e o actor Henrique Tavares foram premiados com similar distinção.
A organização da iniciativa pertenceu à Associação 26 de Janeiro - Companhia Teatral de Ramalde.
Silvino Gomes congratulou-se com este prémio, salientando que tal se trata de um reconhecimento merecido pelo trabalho árduo e humilde desenvolvido pelos Arautos em prol do teatro e da cultura ao longo dos últimos anos.





Imagem nº 1 - Os Arautos receberam o "Prémio Talma" relativo a 2018.
Foto retirada da Página dos Arautos no Facebook

Sociedade Pólis Litoral anuncia colocação de painéis informativos

A Sociedade Pólis Litoral Ria de Aveiro acabou de oficializar a colocação de painéis informativos nos passadiços envolventes da Barrinha de Esmoriz. Foi ainda implementado um novo mobiliário urbano. O objectivo desta acção passa por sensibilizar os cidadãos para a importância da biodiversidade presente no local.
As fotos que se seguem foram retiradas da Página da Sociedade Pólis Litoral Ria de Aveiro no Facebook.










sábado, 21 de abril de 2018

Sporting Clube de Esmoriz lamenta falecimento de jovem talento

Abel Mwakilama era um jovem de 18 anos que tinha ingressado, nos juniores do Sporting Clube de Esmoriz, nesta temporada. Natural do Malawi, onde havia jogado no Chitipa United, o jovem terá falecido no dia 20 de Abril, conforme anunciou o Sporting Clube de Esmoriz que lamentou a perda deste jovem talento, e acima de tudo, de um grande ser humano.
O avançado africano era uma das grandes promessas das camadas jovens do Sporting Clube de Esmoriz, tendo apontado um registo interessante de golos. Apesar de desconhecermos mais dados sobre a sua morte prematura, a verdade é que o jogador tinha sido excluído da recente convocatória da Seleção do Malawi de Sub-20 que iria defrontar a Suazilândia, embora na altura, ninguém tivesse dado mais esclarecimentos.
Infelizmente, a vida pode ocasionar momentos inesperados, e os sonhos deste jovem acabaram por se dissipar de uma forma trágica. 
Paz à sua alma!



Abel Mwakilama out of Swaziland game

Imagem nº 1 - Avançado internacional pelas camadas jovens do Malawi despede-se da vida de uma forma muito precoce. 
Foto retirada de: http://www.times.mw/abel-mwakilama-out-of-swaziland-game/


Nota de Actualização - O atleta terá sido vítima de malária, doença que terá contraído na última vez que esteve no seu país de origem, talvez em Março. Acabou por perecer no Hospital de S. João, Porto.

quarta-feira, 18 de abril de 2018

Estado da Escola Secundária de Esmoriz gera elevada preocupação

Inaugurada em 1988, a Escola Secundária de Esmoriz apresenta hoje uma série de anomalias estruturais que podem vir a comprometer a segurança e o bem-estar de alunos, professores e demais funcionários. Dentro deste contexto, Emanuel Oliveira, Presidente da Associação de Estudantes da Escola Secundária de Esmoriz, e Fernando Cardoso, Presidente da Associação de Pais e Encarregados de Educação da Escola Secundária de Esmoriz, estiveram presentes na sessão da Assembleia Municipal de 28 de Fevereiro que teve lugar em Esmoriz, não deixando de alertar o executivo camarário para a degradação daquele estabelecimento de ensino.
De acordo com o teor das suas intervenções, sabemos que os alunos se queixam da chuva que chega mesmo a entrar em algumas das salas devido à existência de infiltrações, do frio extremo sentido logo pelo início da manhã ou na época de inverno (não sendo possível ligar os aquecedores eléctricos devido ao mau funcionamento destes) e do abatimento de pisos (sendo que existem filas intermináveis de formigas que conseguem entrar nas salas do rés-do-chão bem como no refeitório). Por outro lado, o pavilhão desportivo apresenta ainda fissuras nas paredes, existindo igualmente infiltrações.
Os estudantes queixam-se ainda da localização do quadro eléctrico geral que se encontra dentro de um bloco de aulas, não cumprindo as elementares regras de segurança, bem como do sistema de combate a incêndios que não se encontra sequer operacional. Os campos desportivos e as instalações sanitárias devem ser igualmente adequados a condições modernas. As canalizações apresentam um cenário de corrosão, as paredes apresentam degradação ao nível da pintura, a escola não tem rede de recolha de águas pluviais, denota-se também, em simultâneo, a ausência de saídas de emergência nos blocos e pavilhões e apenas uma parte da escola está ligada ao saneamento público. 
Em redor, a falta de limpeza do mato localizado então nas proximidades e a ausência de passeios nas ruas da Casela e da Estrada Nova são identificadas igualmente como ameaças para a segurança dos alunos. Também a falta de vigilância policial e a carga e descarga de passageiros feitas em local impróprio (as paragens de autocarro estão completamente desprotegidas, sobretudo nas horas de ponta) constituem outras preocupações a ter em conta. 
Os arguentes pretendem que a autarquia de Ovar interceda junto do Ministério da Educação ou da Administração Central para que se avance imediatamente com obras de requalificação que visem todo o parque escolar. E recordam, dentro deste contexto, o contrato já firmado que prevê a reabilitação da Escola Júlio Dinis em Ovar, exigindo por conseguinte um tratamento igualitário.
Actualmente, a escola conta com cerca de 625 alunos, 84 professores e 31 membros do pessoal não-docente.
Seguem-se agora algumas fotos que nos foram enviadas por e-mail e que nos remetem igualmente para o péssimo estado de tomadas, portas, cacifos, etc. 












































Junta de Freguesia de Esmoriz inicia acções de limpeza na área afectada

Após as marés vivas que se registaram no dia 17 de Abril, a Junta de Freguesia de Esmoriz decidiu rapidamente promover a limpeza de toda a área costeira afectada. No local, esteve presente António Bebiano, Presidente da Junta de Freguesia de Esmoriz, que acompanhou as intervenções de remoção da areia, pedras e águas que se acumularam nas zonas pedonais à beira-mar. 




Imagem nº 1 - António Bebiano, Presidente da Junta de Freguesia de Esmoriz, dá instruções aos funcionários. 
Foto - Página Cidade de Esmoriz

terça-feira, 17 de abril de 2018

Mar causa pânico em Esmoriz

Ao início da tarde desta terça-feira, o mar galgou consideravelmente os paredões junto à Praia Velha, causando mesmo o pânico de quem foi apanhado de surpresa pela situação. No entanto, a intervenção rápida dos Bombeiros Voluntários de Esmoriz minimizou para já as consequências. Ainda assim, este é mais um aviso de que tudo o que foi feito nos últimos anos na costa portuguesa tem sido claramente insuficiente. É altura de deixar o paleio de lado, e investir em força na defesa do litoral português. Qualquer dia, acontece uma tragédia, e depois claro, ninguém quererá assumir as culpas. 
As fotos que se seguem ilustram mesmo o cenário terrífico que acabámos de ilustrar. A sua autoria pertence a Carlos Alexandre.



Imagem nº 1 - O Mar galgou impiedosamente o paredão.
Foto da autoria de Carlos Alexandre



Imagem nº 2 - As ondas chegaram a atingir as ruas próximas.
Foto da autoria de Carlos Alexandre